A luminária ideal para cada ambiente

Em post anterior tivemos a oportunidade de comentar um pouco sobre a luminotécnica e sua importância para o resultado final da decoração. Como dissemos à época, cada ambiente exige padrões adequados às diferentes necessidades, seja para a criação de ambientes confortáveis, seja para ambientes funcionais, mas sempre equilibrados, garantindo o bem estar dos ocupantes.

No post de hoje reunimos informações importantes para a escolha da luminária adequada para cada ambiente, conceituando suas espécies.

As diferentes espécies de luminária

Algo que muitos ignoram é que luminária é um gênero que engloba todos as peças que contém luzes e são utilizadas para iluminar um ambiente. Entre as luminárias encontramos abajures, pendentes, lustres, arandelas, plafon, luminária articulada e muitas outras, cada uma aproveitável para determinada necessidade.

luminária sala

Abajur

De origem francesa, a palavra abat-jour significa “abaixar a luz” ou “quebra-luz”.

Com a cúpula fabricada em diferentes materiais como tecido, papel e pergaminho, todos ideais para a filtragem e difusão da luz, o abajur cria uma atmosfera intimista e aconchegante nos ambientes em que é utilizado.

Esse tipo de luminária é perfeito para quartos e salas, adequado para instalação em mesas laterais, cabeceiras e aparadores.

Lustre

Os lustres se diferenciam das demais luminárias por sua estrutura ramificada horizontalmente, em vários braços que se prendem ao conjunto central preso ao teto.

Reconhecido por seu alto valor estético e decorativo são peças utilizadas preferencialmente para conferir requinte e impacto visual ao ambiente, deixando-o ainda mais luxuoso.

luminária leitura

Luminária articulada

São as conhecidas luminárias de mesa ou chão, utilizadas para o direcionamento da luz, conforme a necessidade do usuário. Suas características a tornam ideais para a utilização em home offices e espaços para leitura e trabalho.

Versáteis, são encontradas de diferentes tamanhos e materiais, podendo ser um diferencial para tornar o ambiente moderno e também funcional.

Plafon

Tipo mais utilizado de luminária, o plafon é indicado para a iluminação geral, uma vez que a lâmpada possui o soquete junto ao teto, de maneira a irradiar em todas as direções e por todo o ambiente.

O plafon é base iluminativa, complementada, muitas vezes, por spots, pendentes e arandelas.

Desde os tipos mais simples e comuns, aos materiais sofisticados e decorativos, o plafon é encontrada em estilos diversos para se adequar aos mais variados projetos de iluminação e decoração.

Arandela

Instalada na parte superior das paredes, com fios embutidos, as arandelas são usualmente encontradas em corredores, halls e áreas externas.

Ideais para uma iluminação suave, indireta e decorativa, são correspondentes das balizadoras, luzes instaladas na parte inferior das paredes.
luminária cozinha

Pendente

Ao contrário dos lustres, os pendentes são caracterizados pela ausência de ramificações horizontais.  

São peças que, como o nome indica, pendem do teto sobre o objeto ou área a ser iluminada.

Como as luminárias articuladas, os pendentes podem ser utilizados para iluminação funcional de uma determinada área de tarefa, como uma bancada de refeições ou de banheiro. Mas eles ainda avançam, podendo participar mais ativamente da decoração ressaltando móveis, objetos artísticos e peças específicas, criando um ambiente charmoso e aconchegante.
Conheça os melhores imóveis de alto luxo de Belo Horizonte. Siga-nos no Twitter e Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *